Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Coisas Uteis’ Category

No jardim de Tulherias em Paris, se encontra uma estatua de uma mulher; provavelmente de uma linda bailarina. O rosto está coberto com uma máscara, e se olhada de certa distância, percebe-se um sorriso, mas à medida que a pessoa vai chegando perto, especialmente de um lado, vê-se uma grande aflição originada por alguma dor oculta.
Esta mulher quer mostrar ao público em geral, um rosto sorridente, mas em realidade está envolvida por uma profunda dor.

Tal é a condição de nossa terra. Ostenta lindas planícies, ainda coberta de verdor e frutas; céu azul, navegado por uma linda lua cheia, animais de muitas espécies, aves de variados tipos, peixes de belos coloridos, e homens e mulheres de toda cor e de toda raça que dançam e saltam ao som dos mais diferentes instrumentos.

No entanto os vulcões estão ferventes no ventre da terra, e voltam a ameaçar cidades inteiras; num instante, furacões e ventos vertiginosos e uivantes, deixam um rastro de destruição e mortes.

Grandes massas líquidas caem do espaço, inundando cidades e afogando as seus moradores.
Populosas cidades adormecidas; numa tarde de pôr-de-sol colorido: sacudida por fortes terremotos enterram milhares de pessoas; quando o Sol tenta novamente nascer.

Sim: “A terra pranteia e se murcha; o mundo enfraquece e se murcha … Na verdade, a terra está contaminada por causa dos seus moradores.” (Isaías 24:5 e 6).

Reclama a mãe-Terra, envelhecida e murcha, a agressão desordenada ao seu ventre, retirando de seus tesouros milhões de barris de combustíveis e irresponsavelmente queimando para macular o seu manto azul, que desde o princípio a envolve.

Não satisfeitos, derramaram por descuido nas suas vestes marítimas, outras tantas toneladas do mesmo petróleo, sacrificando os seus adornos de aves e peixes.

Reclama a mãe-Terra a destruição de muitos quilômetros de seus belos cabelos verdes, ornamento e beleza desde a sua criação.

Soluça a velha terra a sua virgindade original, quando animais e homens reunidos prestavam-lhe a devida honra e cantavam as suas virtudes.

Hoje, com seus olhos de águas comprometidas, com suas nascentes contaminadas, sente-se envolvida por um grande lençol de sujeira e podridão

Não nos esqueçamos de que os homens provocaram, por mudarem o curso natural das ações e reações da Terra, repita, os homens provocaram a sistemática e progressiva maldição, que vem corroendo os alicerces da Terra.

O resultado será fatal destruição de tudo o que é perversão e maliciosidade. “Ai dos que habitam na terra e no mar.” (Apoc. 12:12).

A terra avariada (danificada), navega solitária no espaço poluído, levando carga danificada: – homens doentes, corruptos e corruptores, lixos de toda espécie, inclusive atômico. O fim da sua trajetória se aproxima rapidamente.

O nosso mundo está amadurecendo, apodrecido; semelhante aos frutos expostos, que todos apertam irresponsavelmente, deixando-os, machucados e impróprios para o uso.

Disse H. G. Wells: “Nosso Universo não só está em decadência, vai desaparecendo da existência só deixando ruínas atrás de si. O fim de todas as coisas que chamamos vida, está tão próximo que não pode ser evitado, não há escape, é uma ruazinha sem saída. È o fim.”

Ferida pelos mais desastrosos vírus existentes, espera a hora da sua condenação, já prevista por um santo de nome Pedro:
“Os Céus passarão com grande estrondo, e os elementos, ardendo, se desfarão, e a terra e as obras que nela há, se queimarão.” (II Ped. 3:10).

 É muito importante entender que o mesmo profeta vaticinou o futuro dos irreverentes filhos da Terra. A maldição que a consumirá, será também para com os seus habitantes irresponsáveis que lhe causam tanto dano.

Seres humanos e animais se digladiam; nas campos silenciosos, ou nas megalópoles barulhentas, o espaço de cada ser vivente é freqüentemente desrespeitado por qualquer atrevido e perverso invasor.

Vivemos a mais triste crise da caridade; quando o “amor doente” e “fingido” prolifera em todos os setores: familiar, social, e até no meio religioso.
A justiça se pós de longe” e a misericórdia, ocultam a sua face envergonhada ante tanto horror cometido na velha e saluçante Terra; perante os Céus.

Há somente uma esperança. Os que creem em um criador, podem erguer ao alto os olhos, pois ele olha com interesse e cuidado por todos esses e procura salva-los. Pois foi exatamente por eles que seu filho sofreu grande martirio e morte a fim de resgatá-los para uma nova vida.

Enquanto Deus caminha com você lado a lado na estrada da verdade, no caminho da justiça, nas veredas da caridade, amorosamente lhe ensina o viver saudável, os mistérios do amor, a adequação (qualificada) para habitar a nossa Terra mesmo nesses tempos difíceis.

Se perseverante até o fim e receberás a coroa da vida!!!!

Read Full Post »


Na época da Páscoa, muitas pessoas se voltam para as cenas finais da vida Jesus aqui na Terra e relembram Seu sacrifício pela humanidade caída. Mas a morte de Jesus não teria muito sentido – na verdade, seria como a morte de mais um grande mártir – se Ele não tivesse ressuscitado. A ressurreição de Cristo é a grande prova de que Ele tem poder para cumprir tudo o que prometeu: a ressurreição dos que nEle crêem, a concessão da vida eterna, Sua segunda vinda, etc. Mas Ele ressurgiu mesmo dos mortos? Não seria essa uma invenção ardilosamente forjada por um punhado de judeus conspiradores do primeiro século?Em seu livro O Jesus Que Eu Nunca Conheci, o jornalista Philip Yancey apresenta algumas razões que nos fazem crer nesse evento espetacular. Destaco duas:

1. Mulheres foram as primeiras testemunhas da ressurreição, fato que nenhum conspirador do primeiro século teria inventado. Os tribunais judeus nem mesmo aceitavam o testemunho de mulheres. Uma cobertura deliberada teria destacado Pedro ou João, ou, melhor ainda, Nicodemos. Considerando que os evangelhos foram escritos décadas após os acontecimentos, os autores tiveram tempo para corrigir tal anomalia – a não ser, naturalmente, que não estivessem criando uma lenda, mas registrando os fatos como eram.

2. Uma conspiração também teria ajeitado as histórias das primeiras testemunhas. Havia duas figuras vestidas de branco ou apenas uma? Por que Maria Madalena confundiu Jesus com um jardineiro? Ela estava sozinha ou com Salomé e a outra Maria? Conspiradores poderiam ter feito um trabalho mais ordeiro que descrevesse o que mais tarde proclamariam ser o acontecimento mais importante da história.

“Resumindo”, escreve Yancey, “os evangelhos não apresentam a ressurreição de Jesus de maneira apologética, com argumentos arranjados para provar cada ponto principal, mas, antes, como uma intromissão chocante que ninguém estava esperando, muito menos os temerosos discípulos de Jesus. As primeiras testemunhas reagiram como qualquer um de nós teria reagido. … O temor é a reação humana reflexa diante de um encontro com o sobrenatural. O temor, entretanto, foi sobrepujado pela alegria, porque as notícias que ouviram eram notícias boas demais para ser verdadeiras, mas tão boas que tinham de ser verdadeiras. Jesus estava vivo! …

“Naturalmente, havia uma verdadeira conspiração posta em movimento não pelos discípulos de Jesus, mas pelas autoridades que tiveram que lidar com o embaraçoso fato da sepultura vazia. Elas poderiam ter dado um basta a todos os loucos rumores acerca de uma ressurreição simplesmente apontando para uma sepultura selada ou apresentando um corpo. Mas o selo fora quebrado, e o corpo havia desaparecido, por isso houve a necessidade de uma conspiração oficial. …

“Certamente os discípulos não dariam a vida por amor a uma teoria de conspiração remendada. Certamente seria mais fácil e mais natural honrar um Jesus morto como um dos mártires-profetas cujas sepulturas eram tão veneradas pelos judeus. …

“Como tudo mais na vida de Jesus, a ressurreição provocou reações contraditórias. Os que criam eram transformados; recebiam esperança e coragem, saíam para transformar o mundo. Os que não criam encontravam meios de ignorar as fortes evidências. Jesus já havia predito: ‘Se não ouvem a Moisés e aos profetas, tampouco acreditarão, ainda que algum dos mortos volte à vida.’”

E você, o que vai fazer com essa revelação?

Texto de Michelson Borges
Leia também: “O Novo Testamento é historicamente confiável”

Read Full Post »

Este texto é uma resposta à pergunta feita por uma adolescente neste post aqui. E eu aproveito para deixar aqui como um apoio da  orientação sexual tambem para os meus filhos.

A pergunta:
Oii
tenho 17 anos e sou virgem. Eo
queria saber como faço pra perder
o medo de tirar minha virgindade
namoro a 3 anos e meu namorado
fala pra min que não é nada de mais
mas mesmo assim tenho medo
Lary

Oi Lary,

É um prazer poder ajuda-la!
O medo é muito natural antes da primeira relação principalmente para as meninas, uma vez que ela precisa estar preparada emocional e fisicamente para que possa desfrutar de prazer com seu companheiro. Já com os rapazes, o preparo acontece quase que automaticamente sem que tenham fazer qualquer esforço ou plano pra isso.
Você não especificou que tipo de medo sente. Se ele envolve fatores emocionais, fisicos ou outras. Portanto tentarei abranger um pouco do tema aqui.
É importante que você saiba que para que as mulheres possam ter um desempenho saúdavel na relação elas precisam estar emocionalmente bem, precisam se sentir seguras quanto ao que estão fazendo para que seu corpo possa responder apropriadamente aos estimulos sexuais. A ansiedade, o medo, o stress e a insegurança de qualquer ordem, pode interferir significativamente no desempenho sexual da mulher em qualquer fase de sua vida. Podendo não só impedi-la de ter prazer na relação como tambem causando danos à saude dos orgãos sexuais.
Para evitar incorrer nesses problemas é fundamental que você elimine tudo aquilo que possa causar o medo. Se voce sente que seus pais desejam o seu melhor, e tem liberdade para falar a respeito do assunto com eles, uma boa conversa poderá ajuda-la a se sentir mais segura quanto o momento certo para que tudo aconteça.
Procure conversar tambem com seu namorado e certificar-se que esse não é o unico interesse dele com você para não se decepcionar logo depois. Não se sinta precionada e não se precipite. Sexo não sustenta nenhum tipo de relação. E… Espere até que esteja certa de que esta pronta emocionalmente e fisicamente. Dizem que a primeira vez ninguem esquece, então faça desse momento uma lembrança maravilhosa.

É fundamental conhecer a anatomia do seu próprio corpo. Como suporte para o conhecimento dos orgãos genitais, indico este site aqui.

E depois de conhecer as partes de seu corpo, e como devem funcionar, você poderá observar como elas reajem aos estimulos sexuais no momento em que voces estão namorando e trocando carícias.

 Existem sinais faceis de serem identificados que poderão te dar a certeza de que você esta fisicamente preparada para o ato sexual.

Primeira fase “Desejo”

Primeiramente, você deve sentir o desejo de contato fisico, e esse desejo deve ser sempre crescente. Nas mulheres o tato e o olfato são bastante responsaveis pelo aumento  do desejo sexual.

Segunda fase “Alterações Fisiologicas – Excitação”

A excitação ocorre quando o corpo começa a responder fisiologicamente ao desejo.

Na mulher a excitação é assinalada pela liberação de uma secreção responsável pela lubrificação da vagina preparando-a para a penetração. Esse é o sinal mais notorio do preparo fisico para a relação, uma vez que sem a lubrificação o atrito do penis na vagina pode ser doloroso. No momento da lubrificação outras alterações tambem acontece. O colo do útero contrai-se aumentando o espaço util do canal vaginal(aproximadamente 13cm) onde acontecerá a penetração.  O aumento da quantidade de sangue nos orgãos genitais faz com que eles apresentem um aspecto avermelhados e um pequeno aumento de volume. A tambem a ereção dos mamilos e podem ser sentidas contrações involuntárias das fibras musculares da vagina com ritmo crescente. Tanto a pressão sanguinea quanto a frequencia cardiaca e respiratoria tendem a aumentar. Enquanto isso as paredes da vagina produzem uma secreção  semelhante a saliva (suor da vagina) que continua a lubrifica-la.

Terceira fase “Orgasmo”

O orgasmo é o apice do prazer feminino, é quando toda a tensão sexual acumulada é liberada. Ocorre uma explosão de contrações ritmicas e involuntárias na vagina e clitoris a uma frequencia de aproximadamente doze vezes em alguns segundos. O interessante é que a mulher logo em seguida pode ser novamente estimulada e alcançar mais que um  orgasmo. O mesmo não acontece com os homens. 

Dica:

O melhor momento para uma relação singular é aquele que acontece naturalmente, sem local e hora marcada. Quando ambos se unem inteiramente de alma e corpo.  

Importante:

Se mesmo depois de conhecer o seu corpo e os sinais, você ainda assim sentir medo, ou se você com todo o estimulo sexual perceber que seu corpo não reage como esperado, procure ajuda de um medico ou terapeuta sexual. Noventa por cento dos disturbios sexuais das mulheres advem de disturbios emocionais, questões culturais, e educação repressiva. Esses problemas podem ser tratados e corrigidos com ajuda de profissionais especializados.

Leia tambem:
Não sou mais virgem, e agora?
Sexualidade normal e transtornos sexuais e outros.

Read Full Post »

Você sabia que, segundo as estatísticas, as mulheres aparecem como as maiores consumidoras de remédios até a idade de 45 anos? Você, também, sabia que a mulher perde geralmente a vitalidade mais cedo que o homem? Seu corpo se torna flácido, apresenta mais gorduras localizadas, começam a surgir problemas de postura, sua auto-estima se apresenta mais negativa e o gosto pela vida fica reduzido. Tudo isto acaba certamente levando-as à enfermidade.
O que podemos fazer para mudar este quadro?
No mundo biológico, o movimento é vida, a inatividade é morte. A ação é uma lei de nosso ser e as funções de nosso corpo devem manter-se em atividade. Portanto, todas as mulheres, não importa se solteiras, casadas, jovens ou de mais idade, devem praticar algum tipo de exercício físico.
Você já percebeu, porém, como a sociedade não prepara bem o sexo feminino para a prática de exercícios?
A menina, geralmente não corre, não brinca ao ar livre, não pratica esportes como o menino. E justamente ela que mais necessitaria, uma vez que apresenta um corpo mais suscetível a doenças, principalmente na vida adulta.
O menino apresenta maior risco a fraturas, maior perigo de contrair doenças, não por ter seu corpo mais debilitado, mas pelo contato com o chão, sujeiras, pelas brincadeiras mais arrojadas, etc
A mulher, conforme já afirmamos, perde a vitalidade mais cedo que o homem. Fica flácida, com gorduras localizadas, intestino preso, erros posturais, auto-imagem negativa e gosto pela vida reduzido. Isto tudo abre caminho a diversas enfermidades. Não obstante, hoje, parece que as mulheres estão se conscientizando da necessidade de cuidarem mais cedo e melhor de seu corpo. Muitas são as que, atualmente, têm uma vida intensa e bem equilibrada. Aliás, os melhores exemplos de alimentação natural, vêm do sexo feminino. Mesmo assim, muitas delas ainda estão despreparadas para cuidar de seu corpo com a ajuda de exercícios físicos.
O estresse , problema bem moderno e preocupante, pode facilmente ser combatido pela prática de esporte. Mas como a mulher não tem conhecimento deste fato, não pode se beneficiar dele. O que fazer? Algumas chegam a pensar que se praticarem exercícios ficaram musculosas e até com aparência masculina. Mas isto não é bem assim. Ao contrário do que muitas mulheres pensam, nós não temos a tendência a desenvolver músculos volumosos como o homem. Tal fato tem a ver com a questão hormonal
A mulher tem, em sua genética, a tendência ao acúmulo de gordura, o que lhe confere o aspecto mais modelado, mais ‘fofo’ que os homens. Neles, você com facilidade nota o delineamento muscular. Entretanto, a mulher tem as mesmas condições de desenvolver força, agilidade, resistência e outras qualidades físicas. Ela apresenta-se com cerca de 70° da força do homem, mas isto não significa, em hipótese alguma, que ele é mais forte. É que existem diferenças próprias do sexo.
0 esporte é super-importante para meninas de 0 a 99 anos, solteiras, casadas, mães, trabalhadoras mentais ou braçais. Se você tem entre 15 a 20 anos pode iniciar agora mesmo a prática de algum tipo de esporte, seja individual ou coletivo. Não sequer a necessidade de passar por uma avaliação médica, exceto se você tem algum problema físico.
As que têm mais de 21 anos, e ainda não praticam nenhum tipo de esporte, devem aprender algum, como: tênis de campo, ginástica e esportes coletivos e outros.
Os exercícios de força, com ou sem peso, para fortalecer braços e pernas, abdome e dorso, são alguns dos exercícios que podem ser usados. A mulher que participa de um programa de força tem o corpo firme, sua digestão é sensivelmente melhorada com um abdome firme; sua postura é ereta e elegante, e tem maior condição de realizar esforços pesados sem se desgastar tanto.
Uma das regiões que mais necessita de fortalecimento nas mulheres é a região glútea. Outra região que merece muita atenção é o abdome, principalmente para as mulheres que pretendem ser mamães.
Os exercícios de resistência combatem a doença varicosa, o estresse, a má circulação e formigamentos nas extremidades. A função renal é melhorada, o sistema glandular para a sudorese é aperfeiçoado, eliminando impurezas. Exemplos deste tipo de exercícios são: a ginástica aeróbica e o ciclismo que atua mais ainda fortalecendo a musculatura da coxa.
Se você não tem muito tempo ou não gosta de exercícios, pratique a caminhada, pois ela combate a degeneração, o envelhecimento e as doenças. Caminhar é simples, mais econômico e a forma mais segura de fazer exercício. É, também, a melhor receita para qualquer idade e para uma vida saudável. Tem também a vantagem de que, mesmo você que já chegou aos 40 anos, não precisa passar por exame médico antes de iniciar a sua prática.
A maior parte da tarefa da circulação do sangue é realizada pelos grandes músculos das pernas quando se caminha. Além disto, exercício de caminhar faz entrar em atividade todas as funções do corpo.
Uma das grandes vantagens do exercício (quem sabe a principal), é a de que um coração exercitado freqüentemente pode realizar sua tarefa com menos batidas, pois tornou-se mais forte e pode bombear mais sangue em cada contração, podendo assim descansar por mais tempo entre uma batida e outra. Isto faz com que ele continue batendo por mais tempo, possibilitando mais anos de vida e com melhor saúde. Você pode pensar que a fonte de sua juventude está esgotada. Exercite-se e você verá que ainda há muita água a correr dela.
O objetivo dos exercícios físicos não é somente melhorar cada vez mais a sua aparência, mas, principalmente, para que você possa ter melhor saúde. E quem não quer mais saúde?
Você pode convidar a iniciarem um programa de exercícios. O ideal seria conseguir uma pessoa especializada, um prof. de Educação Física para que as oriente uma ou duas vezes por semana. Para os demais dias da semana, poderia ser programada uma caminhada.
Se não puder contar com um técnico no assunto, organize uma caminhada.Artigo de prof. Leslie Andrews Portes:

 

“A Importância do Exercício para Mulheres”,

e também de artigos da “Revista Mocidade”.

 

Read Full Post »

Ontem assisti uma palestra com uma fitoterapeuta (Iracema Ayalla) sobre saúde e estar da mulher. Ela falou sobre a necessidade do exercício fisico para as mulheres e ressaltou a importancia desse cuidado especial. Esse será assunto que eu tratarei em um outro post.

Hoje quero deixar aqui apenas a receita de um composto para o equilibrio hormonal que deve ser consumido pelas mulheres que estão se aproximando do período  da menopausa com o intuito de repor os hormonios e diminuir os problemas que ocasionalmente ocorrem nesse período.

Esse composto pode ser usado como prevensão para mulheres mais jovens também, e não tem nenhuma contra indicação por se tratar de produtos naturais.

É uma receita barata e esta ao alcance de todos.

Ai vai a receita.

Equilibrio Hormonal

100gr de gergelim com casca triturado

100gr semente de linhaça triturada

100gr de farelo de arroz tostado

100gr leite de soja em pó sem açucar

50gr de isoflavona

Modo de fazer: Misturar todos os ingredientes muito bem. Guardar em vidro seco e tampado. Usar duas colheres de sopa da mistura no desjejum e no jantar. Pode ser usado puro, com leite, com frutas ou como preferir.

                              Cuide-se!!!

Read Full Post »

Arqueologia e a Biblia

Hoje em dia é muito comum encontrar pessoas que não acreditam em Deus e nos ensinos Biblicos como sendo de autoridade divina. Mesmo porque muitos desses ensinos contrariam nossos costumes, e ninguem gosta de ser podado ou corrigido. Alguns chegam a dizer que a biblia não passa de fabulas para crianças. Mas algumas descobertas feitas por arqueologos tem apoiado as histórias biblicas de forma a confirmar que elas não foram apenas fabulas inventadas. Alguns achados mostram que os personagens biblicos realmente existiram, e outros confirmam alguns acontecimentos com precisão. Para aqueles que preferem confiar no que a ciencia diz ao invés de apenas crer esse site aqui Arqueologia Biblica pode ser de grande ajuda. Mas se ainda assim tiver duvida, peça a Deus que lhe de fé, pois é um dom gratuito que ele dá aos que lhe pedem. E sem fé é impossivel agrada-lo.

Abaixo uma pesquisa que confirma a existencia de uma das mais famosas vilãs biblicas.

Fonte: (G1 Notícias)

Pesquisadora identifica carimbo de Jezabel

Na Bíblia, ela ganhou fama de manipuladora, inescrupulosa e até devassa. A rainha Jezabel é uma das piores vilãs do Antigo Testamento, sem dúvida. Mas pelo menos tinha um bocado de estilo, a julgar pelo sinete (uma espécie de carimbo pessoal) que uma pesquisadora holandesa acaba de identificar como pertencente a ela – um dos raros [sic] casos em que um personagem bíblico deixa traços diretos de sua existência.

A análise que confirmou a associação de Jezabel com o sinete, que é feito de opala e está repleto de desenhos e inscrições, foi feita por Marjo Korpel, especialista da Universidade de Utrecht. Com o trabalho de Korpel, que será publicado numa revista científica especializada em estudos lingüísticos, parece chegar ao fim um mistério de quatro décadas.

Isso porque já se suspeitava que o artefato, obtido nos anos 1960 por um arqueólogo israelense no mercado de antigüidades, tivesse pertencido a Jezabel. Mas havia um problema bizarro: o suposto nome da rainha, gravado na opala, estava escrito errado – o que levou muita gente a achar que se tratasse de uma outra pessoa, embora de nome parecido.

Com paciência de detetive, Korpel analisou o sinete e o comparou com outros objetos do mesmo tipo e da mesma época, ou seja, produzidos por volta do ano 850 a.C., quando viveram Jezabel e seu marido Acabe, rei de Israel. Pela distribuição das letras e pela presença de uma pequena área quebrada no objeto, a pesquisadora holandesa estimou que originalmente havia mais duas letras hebraicas no sinete – o suficiente para “corrigir” o nome de Jezabel.

Além disso, o objeto era muito maior que os outros da mesma época e repleto de símbolos associados à realeza e ao sexo feminino, como uma esfinge com coroa de rainha, serpentes e falcões. Para Morjen, tudo isso torna altíssima a probabilidade de que o sinete realmente tenha pertencido a Jezabel.

Jezabel (de origem fenícia, segundo a Bíblia) e seu marido Acabe reinaram numa época em que o antigo reino israelita estava dividido em duas partes rivais: Judá, no sul, cuja capital era Jerusalém e cujo povo deu origem aos atuais judeus; e Israel, no norte, onde o casal governava e cuja capital era Samaria.

No Primeiro Livro dos Reis, na Bíblia, Jezabel é retratada como uma mulher corrupta, que faz os habitantes de Israel adorarem deuses pagãos e ainda induz seu marido Acabe a tomar injustamente as terras de seus súditos. Juízos de valor à parte, o sinete parece mostrar que a rainha de fato era muito influente: ele era usado para ratificar documentos, o que significa que ela podia “despachar” por conta própria em seu palácio.
(G1 Notícias)

Read Full Post »

Homens que ajudam nas tarefas de casa fazem mais sexo! 

Um estudo divulgado nos Estados Unidos revela que os homens que colaboram mais com a limpeza da casa fazem mais sexo. É isso mesmo. A informação é da agência de notícias Associated Press. O relatório feito pelo Conselho sobre Famílias Modernas reuniu dados de diversas pesquisas e descobriu que os homens americanos aprenderam a lição e estão ajudando mais as esposas. Um dos estudos mostra que a contribuição masculina para as tarefas do lar dobrou nos últimos 40 anos. Outro diz que, no mesmo período, os maridos triplicaram o tempo que passam com os filhos. Além da percepção de que o mundo mudou, no entanto, outro fator pode estar sendo levado em conta pelo maridão. Para o psicológo Joshua Coleman, a divisão justa das tarefas do lar tem como resultado direto um casamento mais feliz e mais sexo. “Se o homem ajuda em casa, a mulher entende que ele realmente se preocupa com ela. Ele não a trata como empregada”, diz Coleman. “Quando uma mulher está estressada porque a casa está uma bagunça e o homem fica sentado no sofá enquanto ela passa o aspirador de pó, ela não vai entrar no ‘clima’”.

Read Full Post »

Older Posts »